Os Cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar os nossos serviços, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.

[Fechar]
Publicidade
Em Destaque
Vila Nova de Famalicão

Hino Nacional ouve-se em Moscovo: Atletas da Jing-She com 2 Ouros e 1 Bronze no Europeu de Wushu

2018-05-22

Desporto

Texto:
JING-SHE

Fotografia de:
JING-SHE




Comitiva Nacional regressa a Portugal com 3 pódios de atletas famalicenses da Jing-She que alcançaram Ouros e Bronze, pelo 4º ano consecutivo

A Seleção Nacional de Wushu da Federação Portuguesa de Artes Marciais Chinesas UPD (FPAMC) regressou esta segunda-feira a Portugal do 17º Campeonato da Europa de Wushu Kungfu que decorreu em Moscovo, na Rússia, entre 14 e 21 de Maio, com 3 pódios na bagagem. O

s atletas da escola Jing-She tiveram uma participação positiva na competição, sendo responsáveis por todas as medalhas portuguesas: 2 Ouros e 1 Bronze.


No 2º dia de competição, o atleta Bernardo Vieira (12 anos) conquistou o primeiro pódio para Portugal, que pidiu com dois atletas da Rússia. O atleta alcançou a Medalha de Bronze na prova Qiangshu (lança) juvenis masculinos 9-12 anos, com a pontuação de 7.54.

Ao 4º dia de competição, a dupla Bernardo Vieira e Tomás Marques (12 anos) superam os competidores e conquistam o título europeu na prova de Duilian (duelo) de Armas juvenis masculinos 9-12 anos, com a pontuação de 8.33 e superando atletas da Holanda. O Hino Nacional fez-se ouvir no Moscow Wushu Palace de Moscovo no momento em que os atletas sobem ao pódio para receber as respectivas Medalhas de Ouro.


Bernardo Vieira conquistou também as classificações de 4º lugar com 8.57 e 5º lugar com 7.94 nas provas de Jianshu (espada) e Changquan (punhos), respectivamente. Tomás Marques classificou-se ainda em 4º lugar nas provas de Nanquan (punhos) com 8.00, Nandao (sabre) com 8.18 e Nangun (bastão) com 8.00. O estreante em campeonatos da Europa, José Henrique Silva (11 anos) compriu os objectivos e obteve ainda as classificações de 6º lugar nas provas de Jianshu com 7.93, Qiangshu com 7.17, e 13º lugar na prova de Changquan com 7.10.


Os atletas medalhados, a representar Portugal na Seleção Nacional desde 2015, somam os pódios deste europeu aos títulos internacionais já conquistados. Bernardo Vieira possui no seu currículo, 2 títulos de Campeão Europeu, 3 de Vice-Campeão Europeu e 5 Medalhas de Bronze em Campeonatos da Europa. Tomás Marques conquistou até à data 3 títulos de Campeão Europeu, 3 de Vice-Campeão Europeu e 3 Medalhas de Bronze em Campeonatos da Europa.


A disputa dos pódios em todas as provas foi frente às maiores potências da modalidade na Europa - Rússia, Turquia, Israel, Bielorússia e Holanda. Esta prova oficial contou com 28 países europeus e 300 atletas. Os atletas da Jing-She reafirmaram mais uma vez, em Moscovo, o elevado nível com que o Wushu Kungfu é praticado em Portugal, na escola famalicense.


A treinadora famalicense Ana Rita Rego, juíza europeia de Wushu desde 2016, esteve presente neste Europeu, exercendo funções na avaliação das provas em competição.

Para os treinadores da Jing-She, Alexandre Oliveira e Ana Rita Rego, estes resultados são a afirmação do seu trabalho consolidado e investimento na alta competição com o objectivo de elevar o Wushu Kungfu português. A equipa está já focada na continuação do trabalho para os restantes nacionais deste ano e na preparação para o Campeonato do Mundo de Juniores de Wushu que decorrerá em Julho no Brasil.



Vila Nova de Famalicão

Hino Nacional ouve-se em Moscovo: Atletas da Jing-She com 2 Ouros e 1 Bronze no Europeu de Wushu

2018-05-22

Desporto

Texto:
JING-SHE

Fotografia de:
JING-SHE




Comitiva Nacional regressa a Portugal com 3 pódios de atletas famalicenses da Jing-She que alcançaram Ouros e Bronze, pelo 4º ano consecutivo

A Seleção Nacional de Wushu da Federação Portuguesa de Artes Marciais Chinesas UPD (FPAMC) regressou esta segunda-feira a Portugal do 17º Campeonato da Europa de Wushu Kungfu que decorreu em Moscovo, na Rússia, entre 14 e 21 de Maio, com 3 pódios na bagagem. O

s atletas da escola Jing-She tiveram uma participação positiva na competição, sendo responsáveis por todas as medalhas portuguesas: 2 Ouros e 1 Bronze.


No 2º dia de competição, o atleta Bernardo Vieira (12 anos) conquistou o primeiro pódio para Portugal, que pidiu com dois atletas da Rússia. O atleta alcançou a Medalha de Bronze na prova Qiangshu (lança) juvenis masculinos 9-12 anos, com a pontuação de 7.54.

Ao 4º dia de competição, a dupla Bernardo Vieira e Tomás Marques (12 anos) superam os competidores e conquistam o título europeu na prova de Duilian (duelo) de Armas juvenis masculinos 9-12 anos, com a pontuação de 8.33 e superando atletas da Holanda. O Hino Nacional fez-se ouvir no Moscow Wushu Palace de Moscovo no momento em que os atletas sobem ao pódio para receber as respectivas Medalhas de Ouro.


Bernardo Vieira conquistou também as classificações de 4º lugar com 8.57 e 5º lugar com 7.94 nas provas de Jianshu (espada) e Changquan (punhos), respectivamente. Tomás Marques classificou-se ainda em 4º lugar nas provas de Nanquan (punhos) com 8.00, Nandao (sabre) com 8.18 e Nangun (bastão) com 8.00. O estreante em campeonatos da Europa, José Henrique Silva (11 anos) compriu os objectivos e obteve ainda as classificações de 6º lugar nas provas de Jianshu com 7.93, Qiangshu com 7.17, e 13º lugar na prova de Changquan com 7.10.


Os atletas medalhados, a representar Portugal na Seleção Nacional desde 2015, somam os pódios deste europeu aos títulos internacionais já conquistados. Bernardo Vieira possui no seu currículo, 2 títulos de Campeão Europeu, 3 de Vice-Campeão Europeu e 5 Medalhas de Bronze em Campeonatos da Europa. Tomás Marques conquistou até à data 3 títulos de Campeão Europeu, 3 de Vice-Campeão Europeu e 3 Medalhas de Bronze em Campeonatos da Europa.


A disputa dos pódios em todas as provas foi frente às maiores potências da modalidade na Europa - Rússia, Turquia, Israel, Bielorússia e Holanda. Esta prova oficial contou com 28 países europeus e 300 atletas. Os atletas da Jing-She reafirmaram mais uma vez, em Moscovo, o elevado nível com que o Wushu Kungfu é praticado em Portugal, na escola famalicense.


A treinadora famalicense Ana Rita Rego, juíza europeia de Wushu desde 2016, esteve presente neste Europeu, exercendo funções na avaliação das provas em competição.

Para os treinadores da Jing-She, Alexandre Oliveira e Ana Rita Rego, estes resultados são a afirmação do seu trabalho consolidado e investimento na alta competição com o objectivo de elevar o Wushu Kungfu português. A equipa está já focada na continuação do trabalho para os restantes nacionais deste ano e na preparação para o Campeonato do Mundo de Juniores de Wushu que decorrerá em Julho no Brasil.